Conselho de Sustentabilidade – FecomercioLAB

Conselho de Sustentabilidade

Promove o desenvolvimento sustentável dos setores de comércio de bens, serviços e turismo, a fim de estimular o equilíbrio dos pilares social, econômico e ambiental na atuação das empresas.

Foto do presidente do Conselho de Sustentabildiade José Goldemberg Quero ser membro Já sou um membro

* Para ser membro precisa ser um associado

O consumidor está cada vez mais buscando empresas que se preocupem com a conservação da natureza e o bem-estar da sociedade. Nesse contexto, o Conselho de Sustentabilidade da FecomercioSP reúne as empresas que se destacam na gestão socioambiental de seus negócios e zelam pelas qualidades do meio ambiente e de vida de seus colaboradores e consumidores. Assim, o conselho busca montar uma vitrine para que as empresas de qualquer porte, ao início nessa jornada, possam ter subsídios e comprovar que investir em adaptações da gestão de resíduos sólidos, água e energia reduz custos operacionais e atrai clientes conscientes.

Atuação/Pleitos:

  • Adaptação das regras impostas ao comércio nos diversos sistemas de logística reversa de produtos pós-consumo.
  • Participação de consultas públicas nos processos de acordo setorial para implementação de sistemas de logística reversa sobre questões ligadas a saneamento, água e energia.
  • Análise dos projetos apresentados nas casas legislativas (federal, estadual e municipal) que impactam o comércio, enfatizando posicionamentos e propondo melhorias em prol do desenvolvimento sustentável, e da adaptação de penalidades, além de defender os princípios constitucionais da livre-iniciativa e da livre-concorrência.
  • Articulação de audiências entre governo e empresas para os projetos que congregam desenvolvimento econômico sustentável.
  • Discussão com empresas, sociedade civil e parlamentares sobre proibição de produtos plásticos descartáveis – como canudos, copos, pratos, talheres, sacolas, entre outros –, atuando na linha de combate ao desperdício, de forma a encontrar o equilíbrio entre a proteção do meio ambiente, as boas práticas de higiene e os custos de manutenção dos negócios.
  • Interlocução com organizações empresariais de fabricantes, importadores, entidades gestoras e governo para construção de sistemas de logística reversa que contemplem a responsabilidade compartilhada de cada elo da cadeia produtiva, com os menores custos e impactos operacionais para as empresas.
  • Atuação em conjunto com a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), visando à elaboração de regras possíveis de cumprimento pelo empresário nos sistemas de logística reversa.
  • No Ministério Público de São Paulo, atuação na linha de frente do comércio, esclarecendo e abrandando questões para evitar equívocos e interposição de ações civis públicas.
  • Efetivação da redução gradual dos limites para a contratação de energia convencional no mercado livre de energia elétrica.
  • Divulgação de práticas de uso racional da água, com participação ativa no Comitê da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê.
  • Disseminação de boas práticas de eficiência energética para o setor de comércio e serviços.

O conselho também está sempre atento à dinâmica da economia. Com a pandemia de covid-19, foram encaminhados pleitos ao Poder Público para o esclarecimento de questões relacionadas à gestão de resíduos sólidos – particularmente os recicláveis e aqueles objetos de sistemas de logística reversa–, como também para amenizar os impactos financeiros das empresas, tais como:

  • Autoleitura de energia elétrica.
  • Postergação e parcelamento de faturas/pagamentos de contas pendentes durante o período de calamidade pública.
  • Não cobrança de multas e juros relativos a essas faturas.
  • Impedimento de suspensão ou corte por inadimplência.
  • Faturamento pelas quantidades efetivamente consumidas, e não pelos limites mínimos contratuais (demanda contratada).
  • Não aplicação das cobranças de baixo fator de potência e de reativos excedentes, provocados pelo desequilíbrio momentâneo das cargas na produção.

 Grupos de Trabalho

  • Eletroeletrônicos
  • Energia
  • Lâmpadas
  • Marcas Próprias
  • Pilhas e Baterias
  • Redução de Descartáveis
  • Resíduos de Pintura Imobiliária


Quero ser membro Já sou um membro

* Para ser membro precisa ser um associado

Grupos de Trabalhos

GT Eletroeletrônicos

Discute e delibera sobre a participação dos responsáveis pelo ciclo de vida dos produtos eletroeletrônicos pós-consumo de uso...

GT Energia

Discute questões relacionadas ao dia a dia das empresas, como autoleitura de energia elétrica, tarifa branca, eficiência energética...

GT Lâmpadas

Discute e delibera sobre a participação dos responsáveis pelo ciclo de vida de lâmpadas fluorescentes de vapor de...

GT Marcas Próprias

Discute acerca da responsabilidade dos detentores de marcas próprias enquanto comércio, equiparada à responsabilidade dos fabricantes nos sistemas...

GT Pilhas e Baterias

Discute e delibera sobre a participação dos responsáveis pelos ciclos de vida de pilhas e baterias portáteis e...

GT Redução de Descartáveis

Discutir ações que possam ser adotadas, de maneira voluntária, para que o setor varejista de bens e serviços...